Garis e prefeitura entram em acordo e põe fim à paralisação

Na tarde desta segunda-feira (03) representantes dos garis, o sindicato dos professores, servidores e funcionários públicos e o prefeito Carlos Alberto de Azevedo (Betinho) se reuniram para entrar em um acordo e por fim à paralisação que teve início neste sábado (01).

Na pauta da reunião os garis reivindicaram:

  • O pagamento das horas extras dos funcionários referentes aos meses de julho e agosto de 2018;
  • Equipamento de segurança (EPI’s);
  • Gratificação por serviço de coleta, varrição para o trabalhador, garis no efetivo exercício da função.

Na reunião ficou acordado que será pago até o dia 11 de setembro as horas extras relativas ao mês de julho para todos os funcionários públicos, já as horas extras relativas ao mês de agosto serão quitadas junto à folha de pagamento de setembro apenas para os funcionários que prestam serviços essenciais, como a coleta de lixo, por exemplo.

Funcionários da Secretaria de Obras realizando a coleta nesta segunda-feira (3) Foto: Geraldo Henrique

Os garis relataram à reportagem da Rádio Cultura que no sábado e na segunda a coleta não deixou de ser feita, apenas começou com atraso, e não foi feita a dobra de serviço que caracteriza hora extra. Já a limpeza da rua da feira feita aos domingos não foi executada por ser tratar de hora extra. Dessa forma para minimizar a sujeira a Secretaria de Obras colocou dois funcionários para realizar a limpeza.

Funcionários aguardando na porta da prefeitura o fim da reunião Foto: Geraldo Henrique

Uma nova reunião foi agendada para o dia 14 de setembro para tratar dos outros dois itens da pauta: equipamentos de segurança e gratificação.

Confira outras informações nesta terça-feira (4) às 8h no CULTURA ACONTECE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.